Carrinho 0

A normalização linguística, uma ilusão necessária.

Em 2011 Mário Herrero oferecia-nos Guerra de Grafias. Conflito de Elites que repassava as políticas da língua que provocaram que a estratégia autonomista alcançasse o estatuto da oficialidade. Agora chega a segunda parte da sua pesquisa onde nos fala de uma ilusão necessária para nada mudar, a da normalização linguística. 

16,00 IVA incluído

Em stock

ID do produto: 2611 REF: 978-84-87305-92-4 Categoria:

A situação sociolinguística galega resulta do cruzamento de dous processos em aparência paradoxais: um antigo processo de substituição polo castelhano das variedades galego-portuguesas faladas na Galiza, que se combina com um moderno processo de institucionalização de uma determinada norma do galego-português. Daí resulta um panorama em que a substituição das variedades faladas pode chegar a ficar simbolicamente oculta pola institucionalização de um código autorizado. Por outras palavras: na Galiza de hoje está em curso um terceiro processo, determinado ideologicamente, que estabelece a ocultação da substituição linguística através da propagação do discurso produzido polas elites políticas que gerem o poder institucional e que se apoiam simbolicamente no saber gerado por setores das elites intelectuais e técnicas. Vivemos num mundo de ilusões. Tentemos desvendar alguma delas. 

CONSULTA O ÍNDICE

Título

A normalização linguística, uma ilusão necessária

Subtítulo

A substituição do galego e a normalização do espanhol na Galiza contemporânea

Autor

Mário J. Herrero Valeiro

Género

Ensaio

Ano de edição

2015

Descrição

298 páginas, 16,5 x 23,5 cm

Encadernação

Brochura

Coleção

Através da Língua, 14

ISBN

978-84-87305-92-4

Capa

Ricardo Cabanelas

Avaliações

Não existem opiniões ainda.

Seja o primeiro a avaliar “A normalização linguística, uma ilusão necessária.”