Carrinho 0

Vicentinho e as Árvores da Paz

O bardo Abelardo conseguiu traduzir à linguagem dos humanos os sentimentos dos seres que moram no interior das florestas, dos rios e dos mares: a história de un pássaro que descobre que nas ramas das árvores aninha a palavra paz, de um carvalho que nasceu na bota de um soldado, de um trasgo que vai deitando lixo pola mata fora ou de Salgadinha, a estrela de Fisterra que parava as guerras. 

12,00 IVA incluído

Em stock

ID do produto: 2520 REF: 978-84-87305-41-2 Categoria:

Objetivos

Com este trabalho, o principal objetivo de Touporroutou é a escuita e leitura de contos em galego, transmitindo mensagens que falam de paz, solidariedade e respeito pola natureza, bem como o conhecimento de instrumentos e sonoridades pertencentes à tradiçom galega, junto com outros pertencentes a outras culturas. Para Touporrotou está também presente a importância da reciclagem e reutilizaçom —o próprio livro está editado em papel reciclado—, tanto na elaboraçom de intrumentos musicais quanto na criaçom de novos contos e cantigas a partir das tradicionais, ademais do interesse polos nossos rios, florestas e mares.

Instrumentos utilizados

No livro-CD aparecem diferentes instrumentos musicais, quer galegos, quer pertencentes a outras culturas. Nos galegos está a gaita, o pito, a requinta, a sanfona, a concertina, instrumentos de cana, pandeiro, pandeireta, trancanholas, ferrinhos, berimbau de boca e bombo. De fora aparecem a frauta japonesa, o didjeridoo e o bull roar australianos, um instrumento de corda indonésio e a darbuca turca. Quanto a outros instrumentos que também utilizados cabe mencionar o violino, o clarinete, a harmónica, a viola, o xilofone, instrumentos de cana e outros elaborados com materiais reciclado.

Título

Vicentinho e as árvores da paz

Autor

Tou-po-rou-tou

Ano de edição

2011

Descrição

54 páginas, 12,5 x 14 cm

Encadernação

Disco-livro

ISBN

978-84-87305-41-2

Produção e direção artística

Servando Barreiro

Diagramação e capas

Iolanda Torre

Avaliações

Não existem opiniões ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Vicentinho e as Árvores da Paz”